icon-telefone
MARCAÇÃO DE CONSULTAS

(85) 3063.3381(85) 9 8851.6148

Saiba mais sobre os Tumores do Forame Magno

imagem: shutterstock imagem: shutterstock

Tumores do forame magno: o que é? Os tumores do forame magno são os cânceres mais raros que afetam o Sistema Nervoso Central, acometendo em média de 3% dos pacientes identificados com tumores neurais.

Segundo o neurocirurgião Dr. Paulo Wagner Linhares Lima Filho, os tumores do forame magno dividem-se em ventrais, ventrolaterais e dorsais.

Sintomas

Por se tratarem de enfermidades de desenvolvimento lento, os pacientes portadores de tumores do forame magno não apresentam quaisquer tipos de sintomas por longos meses. Com o desenvolvimento do tumor, os pacientes relatam os seguintes sintomas: tetraplegia, diminuição da sensibilidade dos nervos cranianos e dores de cabeça. Alguns se queixam ainda de torcicolo e dispneia.

Indicações

O tratamento dos tumores do forame magno é feito, em geral, com a realização de uma cirurgia, conforme explica o neurocirurgião Dr. Paulo Wagner Linhares Lima Filho. Em alguns casos é aplicada conjuntamente a radioterapia, para frear o desenvolvimento do tumor ou evitar seu reaparecimento, e consequente piora no quadro de saúde do paciente.

Cirurgia/Procedimento

A cirurgia pode retirar por completo ou parcialmente os tumores do forame magno, explica o neurocirurgião Dr. Paulo Wagner Linhares Lima Filho. Por se tratar de tumores de localização delicada, o especialista destaca que esta cirurgia seja realizada em um hospital com recursos apropriados e com um neurocirurgião bem treinado nesta cirurgia. Contudo, a não realização do procedimento diminui as chances de recuperação dos tumores do forame magno, já que apenas o tratamento a base de quimioterapia ou radioterapia não é capaz de curar esse tipo de enfermidade. Para que o procedimento tenha ainda mais chances de ter resultados positivos, é importante que a cirurgia seja realizada logo no início do diagnóstico.

Indicação

Para o tratamento dos tumores de forame magno pode ser recomendados a realização de cirurgias, conforme explica o neurocirurgião Dr. Paulo Wagner Linhares Lima Filho, combinadas a radioterapia ou quimioterapia.

Médico

Com especialização em neurocirurgia pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), o Dr. Paulo Wagner Linhares Filho vem se dedicando ao estudo das patologias raqui-medulares/coluna vertebral, dos nervos periféricos, tumores de crânio e de medula. O especialista possui ainda amplo conhecimento das técnicas para o tratamento de dores de difícil controle. Caso deseje conferir o currículo completo do especialista, clique aqui: http://paulowagner.com.br/perfil.

Cirurgias relacionadas

Como parte do tratamento dos tumores do foram magno, e também de sua própria especialização e estudos de pós-graduação, Dr. Paulo Wagner Linhares Lima Filho realiza cirurgias de crânio. Estas operações têm como objetivo diminuir os sintomas causados pela doença, permitindo que o paciente tenha uma vida praticamente normal. Para tornar a recuperação no período pós-operatório mais segura e com melhores chances de êxito, o especialista conta com uma equipe multiprofissional composta por neurointensivista, neurologista, fisioterapeuta, terapeuta ocupacional, enfermeiro, neuroanestesista, psicólogo e clínico geral. Para conferir as cirurgias realizadas e as enfermidades atendidas pelo médico, confira este link: http://paulowagner.com.br/servicos.

Contato (Call To Action)

Especializado no tratamento de enfermidades que afetem a coluna vertebral, o crânio ou os nervos periféricos, o neurocirurgião Dr. Paulo Wagner Linhares Lima Filho utiliza técnicas modernas, seguras e precisas. Tem alguma dúvida sobre um possível diagnóstico ou gostaria de mais informações sobre os tumores do forame magno? Clique neste link (paulowagner.com.br/pre-agendamento) e agende sua consulta com o especialista. O neurocirurgião fará uma avaliação completa de seu caso, realizando exames físicos, consultando seu histórico clínico e, caso necessário, solicitará exames complementares para tornar o diagnóstico ainda mais preciso.

Compartilhe: